AUP

HISTÓRIA

A Sociedade Portuguesa de Urbanistas – SPU foi fundada em 31 de Janeiro de 1983, tendo em 1996 mudado a sua designação para Associação dos Urbanistas Portugueses – AUP. Agregou os profissionais portugueses que já pertenciam à Associação Internacional dos Urbanistas (IsoCaRP) que havia sido fundada em Amesterdão em 1965, tendo os seguintes sócios-fundadores: Manuel da Costa Lobo, António Barbosa de Abreu, Duarte Castel-Branco, Luís Vassalo Rosa, Carlos Carvalho Dias, António Barata Feyo, Adriano Callé Lucas, Lusitano dos Santos, Maria Margarida Santos Coelho, Artur Pinto da Rocha, Lúcio Miranda, Fernão Simões de Carvalho, Manuel Norberto Corrêa (outorgantes da escritura de constituição), Nuno Portas, Margarida Sousa Lobo Howell, João Manuel Teixeira, Pedro Guimarães, Paulo Correia, Manuel Salgado, Sérgio Infante, Nuno Guedes de Oliveira, Jorge Carvalho, Leopoldo de Almeida, José Silva Pereira, Pedro George e Fernando Nunes da Silva (aderentes até à primeira Assembleia Geral, e com estatuto de Fundadores).

A SPU/AUP é, desde o seu início, a entidade representativa dos urbanistas de Portugal. Nessa qualidade tem mantido contactos com várias instituições estrangeiras ligadas ao urbanismo, entre elas o Royal Town Planning Institute (RTPI), do Reino Unido, e faz parte do Conselho Europeu dos Urbanistas (CEU) desde a sua criação, participando nas suas reuniões anuais e colaborando nos seus trabalhos.

Presentemente, e em conjunto com a APPLA-Associação Portuguesa de Planeadores do Território e com a APROUB-Associação Profissional dos Urbanistas Portugueses, a AUP está envolvida na constituição da ORDEM DOS URBANISTAS PORTUGUESES, integrando a sua Comissão Instaladora.

 

 

ATRIBUIÇÕES

  • Promover e desenvolver o urbanismo, nos seus aspectos teóricos e aplicados, tendo em vista melhorar o ambiente e a qualidade de vida das pessoas;
  • Apoiar e promover a investigação no domínio do urbanismo;
  • Promover a qualidade de formação dos urbanistas e pugnar pelo ensino do urbanismo;
  • Promover o respeito pelos princípios deontológicos da profissão de urbanista e exercer a jurisdição disciplinar sobre os associados;
  • Representar os urbanistas junto dos orgãos de soberania, podendo dar parecer sobre projectos de diplomas legais que interessem à prossecução dos fins institucionais;
  • Defender os direitos, interesses e prorrogativas dos seus membros;
  • Cooperar com outras associações profissionais, bem com com as suas congéneres estrangeiras, contribuindo para o estreitamento de relações e promovendo o intercâmbio científico e técnico;
  • Organizar e desenvolver serviços úteis aos seus associados;
  • Divulgar a importância do planeamento urbanistico e da sua prática profissioanl, numa acção pedagógica constante a todos os níveis.

 

INFORMAÇÕES
Secretariado da Associação dos Urbanistas Portugueses
 

Atendimento  -  Segunda a Quinta-feira, das 17h00 às 18h00

Tel:   218 418 028         Telm: 964 750 856          e-mail: a.urbanistas@gmail.com

IST - Pavilhão DECivil, piso 3, sala 5.33       Av. Rovisco Pais    1049-001 Lisboa

AnexoTamanho
ESTATUTOS de 2010-10-29 REVISTOS -5Jan2012.pdf246.08 KB
Guia_para_Admissao_de_Membros.pdf42.15 KB
Pedido_admissao_estudante_estagiario.pdf9.88 KB
Pedido_admissao_ordinario.pdf10.21 KB
REGULAMENTO ELEITORAL-5fev1999.pdf56.81 KB